Os designers da Refold querem revolucionar os ambientes de trabalho a partir de um único material: o papelão. Flexível, dobrável e 100% reciclável, esta mesa não só permite que você leve seu escritório para qualquer lugar como promete melhorar sua saúde ao propor que você trabalhe em pé.

Leia mais a seguir.

Diversos estudos apontam que o corpo humano não foi feito para trabalhar por horas a fio sentado em uma cadeira. Além disso, uma posição vertical promove uma maior interação entre as pessoas, criando uma atmosfera mais colaborativa.

A partir dessa premissa, o trio de designers neozeolandeses Fraser Callaway, Oliver Ward e Matt Innes desenvolveram a Refold, um protótipo de mesa portátil de 6.5 kg que pode ser levada pelos lugares como uma maleta.

Feita para ser encaixada em qualquer ambiente, a Refold pode ser montada em apenas 2 minutos. 

A resistência impressiona. As lâminas de papelão de 7mm de espessura não precisam de cola ou qualquer tipo de fita e conseguem suportar o peso de uma pessoa sem desmantelar.

E se trabalhar em pé não for o seu estilo, a Refold vem com peças adicionais para que você possa trabalhar sentado. Há três tamanhos de mesa, adaptados a altura do usuário para garantir a ergonomia.

O design é customizável e útil não só em ambientes de trabalho como em escolas, estúdios criativos, eventos mas pode ser uma peça de mobiliário prática em caso de desastres naturais.

Esse viés humanitário é traduzido no projeto de crowndfunding que viabilizará a produção da mesa, dedicando parte dos seus lucros a UNICEF.

Até agora a campanha arrecadou $ 24.350 dólares neozeolandeses, cerca de R$ 45 mil reais. O objetivo é arrecadar $ 25.000 até novembro. Se o financiamento superar as expectativas, a Refold pode ser produzida mais rápido e ser importada para outros continentes além da Austrália.

Veja também:  Materiais que Aquecem

Veja o vídeo da campanha (em inglês):

Veja também:

fotos Divulgação