O que é retrofit? Entenda melhor essa tendência da Arquitetura e Design

Saiba mais sobre o retrofit na decoração.

Retrofit no Centro

O retrofit é uma tendência na arquitetura e no design que surgiu na Europa a fim de solucionar um problema: o que fazer com tamanha quantidade de edifícios antigos e históricos inutilizados, ou com tecnologias ultrapassadas que impossibilitam seu uso?

O termo é pronunciado com grande frequência no dia-a-dia profissional de arquitetos, designers, projetistas, construtores e urbanistas, fazendo referência a renovações e atualizações no projeto, mantendo as características intrínsecas da obra.

Essa tendência surge como uma forma de revitalizar edifícios e outras construções trazendo a eles novas tecnologias e designs mais promissores.

Retrofit fábrica Valeo por GCP Arquitetura

Retrofit fábrica Valeo por GCP Arquitetura

Os projetos de reconversão passaram a ocorrer em países europeus e até nos Estados Unidos, cujas legislações não permitiam que o acervo arquitetônico pudesse ser substituído.

Sem possibilidade de demolição e criação de novas obras, a opção que restava era restaurar o existente. Atualmente, só na Europa cerca de 50% dos projetos são frutos de retrofit.

Assim, o retrofit surge como uma solução para edifícios abandonados ou de péssimas condições de utilização, preservando o patrimônio histórico e dando vida adequadamente aos antigos espaços.

Retrofit de uma fábrica de tecidos tornando-se o novo campus da universidade Abdullah Gül, por Emre Arolat Architects..

Retrofit de uma fábrica de tecidos tornando-se o novo campus da universidade Abdullah Gül, por Emre Arolat Architects..

Muito além de uma simples reforma, o conceito de retrofit está ligado à preservação da memória com o renascimento do bem arquitetônico modernizando-o e o readequando.

Devem ser encontradas novas soluções para fachadas, instalações elétricas e hidráulicas, circulação, proteção contra incêndio e mais.

Área pontilhada a ser revitalizada no projeto de retrofit urbano New Acadia, por Garrett Rock. 
Área pontilhada a ser revitalizada no projeto de retrofit urbano New Acadia, por Garrett Rock. 

 

Quando um edifício é “retrofitado”, nem sempre terá o mesmo uso e finalidade que possuía anteriormente.

Muitas obras de retrofit ocorrem por conta das antigas e inapropriadas instalações, seja a elétrica ou a hidráulica, dando espaço a tecnologias atuais e mais resistentes em utilização e comando.

A revitalização não se limita a edifícios e construções, mas pode ocorrer em grandes áreas urbanas ao se revitalizar parques e espaços públicos.

Veja também:  Linha Bloom: Mobiliário infantil contemporâneo com fabricação digital

Penthouse Cellini | Matteo Gavazzi e Amanda Vargas

Um projeto de retrofit pode sair mais caro que uma obra começada do zero. Os custos são provenientes de uma boa mão-de-obra necessária, profissionais experientes desde o planejamento até a execução, atualização de materiais e produtos, quebra-quebra ou ampliação, restauração ou substituição da alvenaria, entre outros mais processos.

As etapas de uma obra de retrofit são: demolição controlada, reforço de estrutura, fechamento, acabamentos, substituição e modernização de elétrica, telefonia e dados, hidráulica e ar condicionado, piso elevado e, por fim, a fachada.

Uma das principais vantagens do retrofit é valorizar mais o projeto no mercado imobiliário, além de torná-lo sustentável e apropriado para os tempos de hoje.

 

informações via Fórum da Construção IBDA e Equipe de Obra.

Lana Kantor

Padawan entre palavras, heavy user de referências de cultura pop, nem tão sutis tentativas de colocar um pouco de humor e gentileza no mundo. Em constante batalha contra o hábito de ver séries sem parar, começando a partir do próximo episódio. | lana@hometeka.com.br

Comentários

  1. William Daju

    09/08/2017

    Difícil pensar num retrofit nos dias de hoje sem a colocação de automação para gerenciar luzes, ar condicionado, cortinas etc.

  2. Sandro Azevedo

    23/01/2018

    Super bacana a matéria sobre os retrofits…

  3. Sandro Azevedo

    23/01/2018

    Imóveis com Retrofit, são porta de entrada pra quem quer morar na Europa… http://www.casadosonho.org

  4. Rogerio de Carvalho

    29/01/2019

    O Shopping Nova America no Rio de Janeiro, então pode se dizer que é um projeto de retrofit? Pois era uma fabrica de tecidos, e algumas partes foram aproveitadas, inclusive paredes de tijolos, tubulações ficam aparentes.

  5. Orlando

    13/06/2019

    Considerado o déficit habitacional brasileiro de quase 7 milhões de famílias sem moradia e o volume pouco maior que 6 milhões de imóveis desocupados e sem cumprir sua função social pela falta de boa vontade dos políticos e administrações municipais em reverter este quadro.

  6. José Augusto Bessa Júnior

    31/07/2019

    PERFEITA ANÁLISE. O RETROFIT PODE SER UMA OPÇÃO.

  7. Cuidado com o Retrofit – Manutenção Predial (Felipe Lima)

    05/08/2019

    […] Lana. O que é retrofit? Entenda melhor essa tendência da Arquitetura e Design. Disponível em:<https://www.hometeka.com.br/pro/o-que-e-retrofit-conheca-essa-tendencia-e-como-ela-pode-ser-aplicada…&gt;. Acesso em: 13 de Abril de […]

  8. Cuidado com o Retrofit | Manutenção Predial (Felipe Lima)

    11/07/2020

    […] Lana. O que é retrofit? Entenda melhor essa tendência da Arquitetura e Design. Disponível em:<https://www.hometeka.com.br/pro/o-que-e-retrofit-conheca-essa-tendencia-e-como-ela-pode-ser-aplicada…&gt;. Acesso em: 13 de Abril de […]

Deixe um comentário

Assine nossa news e ajude quem precisa. De graça.

Ao se cadastrar, você escolhe entre doar, sem custo, 1 dia de capacitação para 
famílias produzirem alimentos ou 1 dia de alfabetização em Pernambuco.

Mudou de ideia? Cancele facilmente (Mas, a gente aposta que você vai adorar)



Logos Hometeka e Ribon