Projetada pelo escritório Ipv Delft, a primeira rotatória suspensa do mundo é dedicada às bicicletas. Localizada entre três cidades na Holanda, a estrutura recebeu o nome de Hovenring.

A rotatória tem 72 metros de diâmetro e é supensa por 24 cabos de aço. Parecendo flutuar sobre uma via de tráfego motorizado, Hovenring foi construída para se destacar. 

À noite, uma estrutura luminotécnica destaca o pilone de 70 metros de altura. Todos os cabos são conectados na área interna do deck para que qualquer torção seja prevenida. A própria estrutura pela qual as bicicletas passam foi feito com cerca de 1.000 toneladas de aço.
 
As avenidas não possuem trânsito intenso, o que não fez com que o governo holandês desistisse da ideia. Para os idealizadores da rotatória era necessário separar completamente os veículos automotivos das bicicletas.

A mudança foi fundamental para garantir a segurança de todos os ciclistas, que incluem desde crianças indo para a escola a pessoas mais velhas passeando, diz a Prefeitura de Eindhoven.
 
Depois da primeira inauguração da rotatória, os engenheiros enfrentaram alguns desafios. Os cabos vibravam mais do que o esperado devido aos ventos. Algumas especificidades foram recalculadas e contra­pesos instalados, tornando a estrutura mais estável.
 
Veja o vídeo que mostra a rotatória sendo usada:

A rotatória faz parte de um complexo sistema de ciclovias implantadas na região e a estrutura agora é um marco do governo local de tentar fazer a vida da população mais saudável.
 
Veja mais posts sobre bicletas e mobilidade urbana ­- clique aqui para ver.

fotos Divulgação
 
 

Veja também:  GO GIRLS: 10% OFF em produtos feitos por mulheres