Acompanhe o trabalho dos bastidores de grandes construções da humanidade, depois do pulo.

1. Estátua da Liberdade

Local: Nova Iorque, Estados Unidos

Início da Construção: 1876

Fim da Construção: 1882

Os 90 metros de altura do momumento comemoram a relação diplomática entre França e Estados Unidos, como um gesto de amizade projetado e financiado pelo país europeu. Frédéric Auguste Bartholdi assinou o ícone com a ajuda do engenheiro Gustave Eiffel, o mesmo profissional responsável pela Torre Eiffel, em Paris.

Os materiais utilizados na Estátua somam 24.635 toneladas e variam entre aço, cobre e cimento.

2. Golden Gate Bridge

Local: São Francisco, California, Estados Unidos

Início da Construção: 1933

Fim da Construção: 1937

Considerada uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno pela Sociedade Americana de Engenheiros Civis, a Golden Gate liga São Francisco a Sausalito. A ponte de estrutura pênsil tem 2737 metros de comprimento e ficou conhecida na época por ter parte de sua construção realizada no vácuo e prezar pela segurança no trabalho.

O design é de Leon Moisseiff, também responsável pela ponte de Manhattan.

3. Manhattan Bridge

Local: Nova Iorque, Estados Unidos

Início da Construção: 1901

Fim da Construção: 1912

Assinada por Moisseiff, A Ponte de Manhattan é mais um dos marcos de arquitetura e engenharia da cidade de Nova Iorque. Mais que um monumento, a Manhattan Bridge é sinônimo de mobilidade: seus cabos suspensos de 983 m suportam três vias para automóveis, quatro linhas de metrô, ciclovia e passarela para pedestres.

Aliás, a abertura para o tráfego começou antes mesmo da conclusão final da ponte, em 1909.

4. Gateway Arch

Local: St. Louis, Missouri, Estados Unidos

Início da Construção: 1963

Fim da Construção: 1965

Aberto em 1967, o arco de 192 m foi construído como um símbolo da expansão americana ao Oeste. A estrutura de aço inoxidável é recordista em altura: é o monumento mais alto construído pelo homem nos Estados Unidos, o mais alto prédio acessível do Missouri e o arco mais alto do mundo.

O Gateway Arch é assinado pelo arquiteto Eero Saarinen e pelo engenheiro estrutural Hannskarl Bandel, com um custo total de U$ 13 milhões de dólares. Estima-se que o custo de um monumento deste porte chegasse a custar U$ 96 milhões de dólares em 2014.

5. Tower Bridge

Local: Londres, Reino Unido

Início da Construção: 1886

Fim da Construção: 1894

Construída sobre o Rio Tâmisa, a secular Tower Bridge leva a assinatura de Sir Horace Jones e George D. Stevenson, ganhadores de um concurso de arquitetura da época. Fruto de uma combinação entre ponte suspensa e elevadiça, formalmente chamada de básculo, a estrutura liga duas torres através de passarelas horizontais, calculadas para permitir o tráfego marítimo.

Veja também:  Objetos e Móveis Multifuncionais

Recentemente, o arquiteto Thomas Heatherwick propôs outra ponte sobre o mesmo rio, desta vez para pedestres em um grandioso jardim urbano.

6. Atomium

Local: Bruxelas, Bélgica

Início da Construção: 1957

Fim da Construção: 1958

165 bilhões de vezes. Esse foi o zoom aplicado a uma unidade de cristal de ferro que inspirou o desenho de Atomium, assinado pelos arquitetos André e Jean Pola, e pelo engenheiro André Waterkeyn.

O monumento passou por reformas em 2004, quando sua estrutura se mostrou frágil aos ventos de alta velocidade que atravessaram a Bélgica.

7. Opera House

Local: Sidney, Austrália

Início da Construção: 1959

Fim da Construção: 1973

O monumento mais recente da lista foi desenhado por Jørn Utzon, vencedor de um concurso internacional de arquitetura. Armaduras de concreto dão forma ao centro cultural de 17.806 m2, um dos mais frequentados em todo o mundo. Considerada Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, a Opera House passsou recentemente por reformas para garantir o acesso a pessoas com deficiência.

8. Torre Eiffel

Local: Paris, França

Início da Construção: 1887

Fim da Construção: 1889

Uma das obras mais icônicas de todo o mundo leva a assinatura de Gustave Eiffel. No centro da cidade luz, a torre de ferro emerge com 324 m de altura, a construção mais alta de Paris. A estrutura tem três andares abertos para a visitação, que podem ser acessados por elevadores ou escadas, basta pagar o ingresso, que custa em média € 12 euros. Há mais de 30 duplicatas e torres similares pelo mundo.

9. Cristo Redentor

Local: Rio de Janeiro, Brasil

Início da Construção: 1926

Fim da Construção: 1931

O design de Heitor da Silva Costa esculpido em concreto reforçado e pedra sabão por Paul Landowski tornou-se um dos símbolos do Brasil e do Rio de Janeiro. Financiada por grupos católicos espalhados pelo Brasil, a Estátua de Jesus Cristo com os braços abertos situa-se na Montanha do Corcovado, no alto da Floresta do Tijuca, com seus 38 metros de altura pairando a cidade.

O monumento passou por diversos reparos ao longo dos anos, principalmente por danos causados por raios e um grafitti. Todas as pedras utilizadas durante as restaurações foram retiradas da pedreira original. Frequentemente, a estátua recebe esquemas de iluminação temática.

Confira mais fotos dos monumentos em construção na galeria e veja mais posts relacionados a monumentos históricos na Hometeka.

 

fotos Wikimedia Commons/Library Of Congress, La Boite Verte, Francel.net,WikiarquitecturaHistoric BridgesOfficial Atomium Website,  New York Public LibraryArt Institute ChicagoNorth Country Public Radio, General Photographic Agency/Getty Images

via io9