Escolher os elementos funcionais certos para cada ambiente da casa é fundamental para que o projeto final dê certo, tanto nos aspectos técnicos quanto nos visuais.

As portas, por exemplo, são peças importantes para compor a conexão entre os cômodos e são as principais responsáveis pela garantia da privacidade. Para escolher qual é a porta ideal para o seu projeto, você deve levar em consideração fatores como: espaço disponível, ambiente externo ou interno ou qual o estilo que você quer dar à sua casa.

Para isso, a Hometeka separou diversos tipos de portas e em qual cômodo da casa cada uma delas pode ser instalada.

Porta de abrir

É o modelo mais convencional do mercado, as portas de abrir usam batente e dobradiça em sua estrutura. Requer um espaço mínimo para instalação, já que o movimento de abrir projeta a porta para dentro do cômodo.

Modelos com placas maçicas de madeira de reflorestamento são os mais recomendados para interiores de apartamentos e casas – são duráveis e quase não emitem ruídos. Podem ser instaladas em quartos, banheiros ou salas de televisão.

Porta pivotante

Com um design moderno e imponente, o modelo pivotante usa o pivô como mecanismo de funcionamento: um tipo de pino que, quando instalado, regula a abertura da folha da porta – enquanto metade gira para dentro, o outro trecho é projeto para fora.

O ideal é que o vão de instalação tenha, no mínimo, 90 centímetros. Embora haja economia de espaço, já que metade da peça fica do lado de fora, são portas largas e precisam de espaço para obter o efeito desejado.

São modelos de fácil instalação e dão um ar refinado à casa. São ideais para porta de entrada – dão uma ótima primeira impressão para os visitantes. Mas nesse caso, fique atento ao material da peça: é importante que seja resistente à umidade, sol e intempéries em geral.

Porta sanfonada

São ideais para ambientes compactos e que necessitam de economia de espaço. Isso porque seu movimento de abertura é por meio de trilhos e faz com a folha da porta se recolha até a outra extremidade do vão, sem tomar espaço nem do lado de dentro e nem do lado de fora do cômodo.

A instalação é prática e são extremamente funcionais – são recomendáveis para áreas como cozinhas, lavabos, áreas de serviço e dispensas.

Veja também:  KMM Design: versatilidade e praticidade em móveis atemporais

Porta de correr

Assim como o modelo sanfonado, as portas de correr também funcionam através de trilhos para deslizamento da placa. Economizam espaço e podem dar um ar sofisticado e moderno ao ambiente.

Varandas, quartos, salas, cozinhas ou banheiros: as portas de correr são de fácil instalação e podem ser aplicadas em quase todos os ambientes da casa. Aqui você encontra um guia completo com dicas e inspirações para inserir portas de correr em seu projeto.

Porta articulada ou porta camarão

A porta articulada também é uma ótima opção para ambientes com espaço limitado – isso porque uma folha da porta dobra-se sobre a outra em seu movimento de abertura, fazendo com que a peça se recolha toda na lateral. Geralmente valem-se de trilhos na parte superior do vão.

É ideal para subdividir ambientes. Por isso, são eficientes para separar salas de jantar de salas de estar, ou banheiros de lavabos. Podem ser usadas também em varandas ou para separar a área de serviços da cozinha.

Porta invisível

A Eclisse lançou uma linha de portas invisível – combinando tecnologia, modernidade e funcionalidade. A ideia é que a folha da porta fique embutida dentro da parede quando aberta – e, dessa forma, desapareça dentro das estruturas da casa.

As estruturas das portas podem ser inseridas em sistemas de alvenaria ou drywall e favorecem o visual minimalista do ambiente. Além de economizarem espaço, as portas invisíveis não causam nenhum tipo de poluição visual, permitindo que você capriche no restante da decoração. Você pode ler mais sobre esse projeto inovador aqui.

Remova portas dispensáveis

A área de circulação do ambiente é fundamental para que a casa tenha leveza e não pareça tumultuada. Além disso, é importante que o fluxo de ar seja constante – por isso, uma ideia para melhorar a comunicação entre os ambientes da sua casa é removendo portas dispensáveis.

Integrar ambientes pode ser uma boa ideia para fazer com que seu espaço pareça maior do que realmente é, já que a principal barreira entre um cômodo e outro deixou de existir.

 

imagens via Dicas de Mulheres, Blog Oppa, Pinterest, Casa de Valentina, Irihomecenter, BC Persianas, UOL Economia, Assim Eu Gosto, UOL Notícias, Construindo, Archiproducts, Decor Salteado