Ao longo dos anos, a preocupação com o planeta vai crescendo: documentários sobre aquecimento global são discutidos, sacolas biodegradáveis chegam aos supermercados, as lâmpadas incandescentes são proibidas, perguntas de quando a coleta seletiva vai chegar no seu bairro… Enfim, as pessoas criam, a cada dia, novas formas de garantir um futuro melhor para as próximas gerações.

Não é diferente na decoração. Pensando nisso, a arquiteta e urbanista Anne Caroline Gamba contribuiu com a Hometeka reunindo três tendências de decoração que podem deixar a sua casa mais sustentável.

São sugestões criativas para integrar o conceito da sustentabilidade no seu cotidiano e demonstrar como pequenas práticas podem contribuir para uma melhoria na nossa qualidade de vida. Ficou curioso? Então confira agora quais são:

1. Reutilização de tecidos

via Pinterest

Reutilizar é uma forma simples de contribuir com o meio ambiente, além de gerar uma economia na utilização de matéria-prima para a fabricação de novos produtos.

Buscar alternativas para utilizar um produto que seria descartado é um convite para usar sua criatividade e contribuir na diminuição da produção de lixo.

via Pinterest

Para reutilizar tecidos na sua decoração, uma opção interessante são as capas de almofadas. É possível criar as próprias estampas com tecidos que já temos em casa. Sabe aquela colcha antiga que você nunca usou, mas tem um tecido super original? Transformá-la em uma peça nova pode ser uma boa.

A dica também vale para cortinas e tapetes de diversos tamanhos. Um jeito fácil de criar harmonia é escolher tecidos com pelo menos uma cor em comum. Assim a composição fica mais elegante e não pesa no espaço.

2. Otimização dos espaços da casa

via Pinterest

Que os ambientes multifuncionais otimizam o espaço de casa você já sabe. Mas o que talvez não tenha percebido é que, além de deixarem o seu dia a dia mais prático, esses cômodos também são importantes para gerar um consumo consciente de produtos.

Ambientes integrados demandam menos material e mão de obra para sua construção. E, quando prontos, também precisam de menos itens para sua criar sua composição estética. Isso nos leva a questionar a real necessidade de comprar determinado objeto, ou seja, é uma atitude sustentável tanto para o meio ambiente, quanto para o bolso. Mas nem todos os ambientes foram projetados dessa forma.

Um bom exemplo é o que as plantas dos novos apartamentos chamam de ‘office’. Você tentou, mas não deu para separar o trabalho de casa. Ou até mesmo tem um trabalho mais flexível e faz home office. A questão é: qual o melhor espaço para isso?

Veja também:  Guia Prático: Ambiente Multifuncional

Se você não tem um cômodo disponível para trabalhar ou um quarto sobrando em casa, a solução pode estar na sua mesa de jantar. Basta manter a “bagunça organizada” e separar, até mesmo com a decoração – toalhas, jogos americanos, uma almofada na cadeira – a hora do trabalho e a hora da refeição.

 

Ainda com pouco espaço? Você pode otimizar sua área de serviço. Uma sugestão é colocar a máquina de lavar roupas no banheiro. Além de economizar no espaço, a solução eficiente do ponto de vista sustentável, pois é possível aproveitar a tubulação de água e esgoto criando duas áreas molhadas em uma.

3. Produtos artesanais

via ReWine, Nim, Pinterest

Investir em quadros, cerâmicas, tapeçarias e móveis artesanais é uma bela forma de criar ambientes sofisticados com peças exclusivas. Além disso, investir nesses produtos também valoriza a produção local e contribui para o crescimento econômico sustentável. Fora que muitos desses itens são produzidos com materiais reciclados ou reutilizados.

Nosso país possui uma grande diversidade cultural e é muito rico em trabalhos manuais de ótima qualidade. Alguns deles você encontra na Hometeka, todos feitos à mão e com preço justo para os produtores:

 

Uma dica prática para destacar as peças escolhidas é investir em ambientes com cores neutras, como cinza, preto, branco e nude, e combinar com vasinhos de planta e móveis de design minimalista.

Outra opção para levar mais cor aos ambientes internos de uma forma ecologicamente amigável são as tapeçarias, que podem ser usadas na parede, seja no lugar dos quadros ou em uma composição elegante com eles. A peça pode se transformar em uma verdadeira obra de arte, renovando de forma criativa os espaços da casa. Vale a pena apostar :)

 

Também quero escrever para a Hometeka! Como faz?

Ficou sabendo de um assunto legal sobre arquitetura, decoração ou design e gostaria de escrever sobre ele na Hometeka? É só mandar um e-mail para ola@hometeka.com.br que te daremos as instruções e logo mais seu texto poderá ser publicado por aqui :)