Breve Cerâmica: o equilíbrio entre industrial e artesanal.

imagem-principal

A Breve Cerâmica surgiu de uma vontade de juntar uma profissão, um hobby e a história de família de Augusto Ribeiro, designer responsável pela marca. Misturando os processos do design de criação e prototipagem com a produção artesanal empírica e a experimentação, são criadas peças em cerâmica que vão de utilitários a esculturas, sempre gerando resultados únicos através de cada novo processo e conceito desenvolvido.

Quer descobrir mais? Venha conferir na matéria a seguir! Apresentamos histórias inspiradoras por trás dos estúdios de design, quem são seus criadores e também seus processos de concepção ;)

–  O designer Augusto Ribeiro

call-to-action_acesse-a-loja_fundo-branco

Augusto é designer de produto e interiores e construiu sua carreira em escritórios de branding, criando experiência de marca em espaços.

Sua família por parte de mãe é dona de olaria no sul do estado do Rio de Janeiro. Seu avô era um dos maiores produtores de tijolo da região. É através de visitas a olaria e conversa com seus tios que o barro entrou em sua vida. Iniciou sua experimentação com a argila através de aulas de artes na escola e mais tarde em cursos de cerâmica. Principalmente após a graduação em Design Industrial, começou a enxergar na argila a possibilidade de materializar sua criação autoral que ficava tão distante no trabalho em escritórios de design.

Em 2019, resolveu tornar o sonho realidade: criar sua própria marca de cerâmica. Foi então que nasceu a Breve. Uma marca de objetos em cerâmica que explora as mais diferentes formas, técnicas e materiais.

O processo de fabricação das peças traz um equilíbrio entre o industrial e o artesanal. O primeiro passo é o esboço inicial, seguido do desenvolvimento da peça em softwares de modelagem 3D, o modelo então ganha vida através da impressão 3D e a partir dele é feito um molde para reprodução das peças, aqui termina a parte “industrial”. Os moldes então são preenchidos com argila e depois disso são enviados para a 1ª e 2ª queimas e posteriormente para os acabamentos e pinturas manuais.

Veja também:  Farpa: valorização do processo artesanal na marcenaria

A Série Chanfro faz parte do acervo Hometeka, a série surgiu do conflito entre design industrial e artesanato. Todas as peças da série Chanfro foram desenvolvidas em software 3D e materializados através de impressão 3D para depois serem reproduzidas através de moldes de gesso e acabadas, pintadas e queimadas manualmente.

Entre suas peças, que compões o acervo da Hometeka estão: os Potinhos Quarteto, o Cinzeiro Chanfro e a Cumbuca Chanfro.

Role para baixo e conheça um pouco mais sobre a marca ;)

 

A Manteigueira Chanfro é um item que vai dar um diferencial para sua cozinha, um design simples e não muito chamativo por fora, mas que revela uma cor vibrante e convidativa ao ser aberto. O acabamento ainda pode ser branco, para ornar com ambientes mais amenos, ou verde claro ou escuro, para contrastar com sua cor vibrante.

teste

– Manteigueira Chanfro finalizada em esmalte verde escuro

 

 

Perfeita para se manter hidratado e servir seus convidados com praticidade e elegância, a Moringa Chanfro traz o clássico recipiente produzido juntando técnicas modernas e tradicionais. Além de manter sua água sempre fresquinha e ao alcance, a moringa ainda pode ser utilizada como objeto de decoração!

 

teste

– Moringa Chanfro finalizada em esmalte verde escuro

 

 

Os Potinhos Quarteto da série chanfro trazem uma maneira organizada de servir petiscos para os amigos e familiares. Além da praticidade, o utilitário se confunde com decoração devido seus design chanfrado! Arrase no décor utilizando quarteto junto com outras peças da série chanfro.

 

teste

– Potinhos Quarteto finalizados em esmalte verde escuro

 

 

Curtiu? Clique e confira mais peças da marca:


call-to-action_acesse-a-loja_fundo-branco

Deixe um comentário

Assine nossa news e ajude quem precisa. De graça.

Ao se cadastrar, você escolhe entre doar, sem custo, 1 dia de capacitação para 
famílias produzirem alimentos ou 1 dia de alfabetização em Pernambuco.

Mudou de ideia? Cancele facilmente (Mas, a gente aposta que você vai adorar)



Logos Hometeka e Ribon