Na lista dos materiais de construção preferidos dos brasileiros estão os revestimentos de cerâmica e porcelanato. Usados em todo tipo de ambiente, esse tipo de revestimento significa praticidade no dia a dia: maior facilidade de limpeza e baixa manutenção.

Na hora de escolher qual material usar, é comum surgir uma dúvida que nem sempre fica clara para quem está comprando: revestimento retificado ou bold?

O que determina se o material é bold ou retificado são as bordas de cada peça e embora essa diferença seja simples, ela pode interferir em outros fatores como tamanho do rejunte. Entenda mais a seguir:

O revestimento chamado de bold é aquele com acabamento tradicional, onde as bordas são levemente arredondadas. Além dessa característica nas bordas, o tamanho de cada peça nem sempre é o mesmo. É por isso que na utilização desses materiais o rejunte fica mais aparente.

Quando assentadas, recomenda-se distância mínima de 3mm entre cada placa. A continuidade do piso fica um pouco comprometida, mas nada que não combine com uma decoração mais rústica.

Uma dica importante é que o revestimento bold geralmente possui menor preço de compra e instalação.

Já o chamado revestimento retificado possui bordas retas ou lapidadas. Esse material é mais recente e surgiu de uma tecnologia onde as placas são cortadas por discos de diamante.

Essa tecnologia permite que as placas, encontradas em cerâmica ou porcelanato, tenham tamanho igual. Por isso é possível instalar o material de maneira uniforme e com alinhamento total, resultando em um visual mais clean e moderno.

O revestimento retificado pode chegar a ser até 30% mais caro que o comum. Entretanto, usando menos rejunte o custo da obra é menor, além de causar menos sujeira. Por conta do seu elaborado processo de fabricação, este tipo de produto possui vida útil longa.

Veja também:  Materiais que Aquecem

Tendência que vem crescendo na decoração é a utilização de junta seca para fazer o assentamento. Nesse tipo de aplicação, as peças são encostadas umas nas outras e é preciso usar uma argamassa flexível e pensar num espaço de 1,5mm para dilatação do produto. Por conta do menor espaçamento entre as placas, o piso retificado acumula menos sujeira.

Entenda também a diferença entre os diferentes ditos de argamassa – clique aqui para ver. 

fotos Divulgação