As cozinhas americanas partem do conceito da integração entre os ambientes da casa.

É uma solução adotada para unir a cozinha com a sala de jantar, com a sala de estar ou até mesmo utilizada em casas e apartamentos de plantas sem paredes.

Hoje, este estilo de cozinha é preferível por 85% dos consumidores, enquanto em 2007 a busca era de apenas 30%, afirmou ao iG Felipe Garcia, gerente de desenvolvimento de produto da construtora Living.

A cozinha americana é caracterizada ao se utilizar uma meia parede ou uma bancada para separar-se do próximo ambiente. A partir dessa ideia central, arquitetos e designers desenvolvem novas técnicas e tendências para enriquecer o ambiente e suas características.

Vantagens

Por se integrar aos demais ambientes, a cozinha americana traz sensação de amplititude do espaço e cria ambientes comuns. Além disso, a dinâmica da casa se torna mais simples, prática e interativa, uma vez que um ou mais cômodos estão agora unidos.

Como consequência da meia parede (ou da sua não presença) surge o balcão, o qual vai permitir a integração e a interação, e este balcão adquire novas funções.

Por outro lado, surgem algumas questões que podem ser encaradas como desvantagens. Já que a cozinha estará integrada a outros ambientes de finalidades diferentes, a preparação de comidas e refeições pode gerar cheiros fortes e que saiam do seu ambiente próprio – mas é claro que já há solução para isso. Continue lendo para saber.

Outro problema é que a cozinha irá gerar mais sujeira em função do uso do fogão, como emissão de gordura. E aqui ocorre o mesmo do anterior: a sujeira não se restringe mais a ficar apenas na cozinha.

Bancada

bancada na cozinha americana

Como já dito, a bancada surge como elemento que integra e traz interação para a cozinha e o ambiente seguinte.

Ela pode e deve ser profundamente explorada. É um elemento que se torna totalmente funcional e estético, já que também faz parte da decoração e dita o estilo desta, como a partir do material escolhido para ser utilizado na superfície, que geralmente deve combinar com os armários e outros objetos do cômodo.

A Hometeka já preparou 41 ideias de inspirações e indicações de materiais para bancadas de cozinhas.

Além de escolher o estilo da bancada, é essencial que o modelo funcione também com a extensão do espaço da cozinha, com o planejamento de quantas pessoas devem ser ali acomodadas e pensar ainda na sua decoração.

Assim, a bancada surge como um elemento multiuso, seja para refeições e coquetéis, um espaço para cooktops e preparação das refeições, um local para que pessoas possam se sentar e interagir com uma comida preparada ali do lado, entre outras funções.

Dicas para montar uma cozinha americana

O funcionamento da cozinha americana deve ser totalmente planejado e isso se reflete na dinâmica do ambiente e na seleção dos elementos ali presentes. Confira algumas dicas.

Veja também:  Banheiros e lavabos: ideias cheias de estilo para reforma e decoração

Organização

Planeje a cozinha para que os itens utilizados no dia-a-dia e no momento de preparação de refeições estejam às mãos de forma prática e simples.

Coifa

Para evitar que o cheiro da preparação de refeições vaze para outros ambientes, uma coifa potente torna-se necessária.

Divisão

Apesar da cozinha americana ser um ambiente integrado, alguns clientes escolhem inserir detalhes que possam conferir uma certa divisão, mas não total, é claro. Isso pode vir de uma porta de correr, que permite momentos de privacidade, ou divisórias de diversos materiais.

Mesa

A mesa pode existir na sala de jantar integrada à cozinha, mas pode ser também o próprio balcão ou existir a partir dele, isto é, o balcão se transformando em uma mesa de jantar. Nesse caso, a mesa deve possuir uma altura menor que o balcão comum. Tal opção é viável principalmente para cozinhas pequenas e apartamentos.

Cadeiras

Uma bancada ou uma mesa integrada pedem ótimas cadeiras. O primeiro caso, pela maior altura, pede por banquetas, que são altas e proporcionais ao tamanho do balcão.

Piso e parede

Já que o estilo americano surge para integrar a cozinha a outros ambientes, um fator que ajuda nessa missão é a escolha dos pisos. Recomenda-se que o material seja o mesmo nos ambientes integrados, dando uma sensação de continuidade, que aquele cômodo não acabou ali.

Mas, ao contrário, a parede não possui essa obrigação. Alguns materiais não são próprios e recomendados como revestimento para cozinha e dificultam a praticidade por ter sua limpeza mais complexa, enquanto outros já são preferíveis, como pastilhas e azulejos.

Iluminação

Geralmente o balcão necessita de uma luz própria para que as ações, como preparação de alimentos, possam ocorrer lá. Assim, não conte apenas com a fonte de luz proveniente da cozinha. Luminárias pendentes são uma ótima opção nesse caso.

Decoração

Eletrodomésticos, revestimentos, armários, bancadas e outros elementos devem ser bem planejados ao serem escolhidos. Pense nas opções que tragam praticidade para a cozinha e que possuam um bom custo-benefício, principalmente a longo prazo.

Gostou das dicas? Compartilhe sua opinião com a gente nos comentários ;)

 

informações via Casa Dicas, Vida e Estilo Terra e Cook Cozinhas Eletroraro.

imagens via Blog da Reforma, Casa e Decoração, BOL, Construindo minha casa Clean, Decorsalteado, casa.com.br, habitissimo, Romano Marques, comprando meu apê, American Kitchen, Mulher e Beleza, Clara Castilho